18 de mar de 2009

MIXTO E OPERARIO PERDEM 6 PONTOS

Não deu outra: o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD) da Federação Mato-grossense de Futebol (FMF) puniu o Operário e o Mixto com perda de 06 pontos no campeonato, em votação de 4 a 0, acatando o recurso ajuizado pelo Sinop. O Mixto e Operário, segundo análise do TJD, utilizou, de forma irregular jogadores no Campeonato Estadual, especificamente, na partida em que venceu o Sinop por 2 a 1, no dia 24 de janeiro, no Gigante do Norte. Já o Operário, pelo entendimento dos conselheiros/auditores do TJD, também adotou o mesmo procedimento na partida de três dias depois, no Verdão. O Operário venceu por 3 a 1.

A sessão foi encerrada pertto das 22 horas, com alonga e extensa leitura do parecer exarado pelo relator do processo, Antônio Carlos Marcondes Veloso.

E om que muda? Com a sentença do TJD, o Operário que era vice-líder, com 22 pontos, despenca para 16 pontos, continua no GA, com 16 pontos e deixa de "estar classificado" para a próxima fase.

 Pior foi para o Mixto: acusado pelo Sinop pela utilização de 09 jogadores que não constavam do Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, apenas no protocolo da Federação Matogrossense de Futebol, o avinegro cai da quarta posição para a vice-lanterna do Grupo A, à frente apenas do eu 6 pontos, caindo da quarta colocação para a vice-lanterna, com 10 pontos, a frente apenas do lanterna Tangará.

CONFUSÃO - Líderes de torcidas organizadas do Mixto (principalmente Boca Suja) atiraram bombas próximo ao local do julgamento e a Polícia Militar teve que ser chamada para acalmar os ânimos. O secretário estadual de esportes Baiano Filho, que é de Sinop, foi vaidado. Outras denúncias devem acontecer e mais reviravoltas no camnpeonato podem surgir. Vila Aurora, no Grupo B, e Crac, no Grupo A, também estão envolvidos pelos motivos semelhantes.

O presidente da FMF, Carlos Orione, havia concedido um 'prazo' da primeira rodada para os clubes registrarem seus contratos, por isso o Operário e Mixto devem recorrer. Na próxima semana o Operário poderá perder mais 6 pontos, em julgamento a ser agendado, já que o Palmeiras também pleiteia a mesma punição ao clube. Se isso ocorrer, o Operário vai direto para o rebaixamento, ou seja, de vice-líder, para a Segundona.
(FUTEBOL PRESS)

Nenhum comentário: